4 regras para você enxergar seu futuro profissional

Já parou para pensar em qual profissão você estará atuando nos próximos anos de sua vida? Já fez suas escolhas? O curso? O emprego ideal? Onde está a sua felicidade?

Parecem perguntas vagas, até mesmo do tipo que pedem respostas genéricas, mas, é justamente por isso que elas devem ser feitas: ao não responder, você sequer começou a traçar seus planos.
Para te ajudar a definir os passos de sua vida nos próximos anos, vamos te mostrar as 4 regras para você enxergar seu futuro profissional.

1) O curso, o estágio, o mercado de trabalho
O primeiro passo é definir qual será o curso de sua faculdade. Onde você passará os próximos anos se dedicando de corpo e alma a aprender e desenvolver-se? A escolha do curso e da faculdade definirão sua estratégia para entrar no mercado de trabalho.
Em consequência, o próximo passo: entenda que cada área exige determinadas escolhas e, por isso, você poderá se encaixar ou não na escolha do estágio. Isso quer dizer que, ao escolher sua faculdade, você tem de ter ciência de onde poderá estagiar e concluir seu aprendizado inicial.
O mercado de trabalho, por sua vez, estará esperando pelo profissional que se dedicou a aprender e a se tornar excelente. Que tal começar a dar seus primeiros passos com a ajuda de um profissional (https://www.nube.com.br/ – http://www.ciee.org.br/portal/index.asp)?

2) O gosto pelo emprego e a ilusão do emprego ideal
Tornar-se um profissional excelente exige tempo e muita dedicação. Serão horas e horas de sua vida dedicadas ao aprendizado e à melhora constante de detalhes e projetos. É por isso que é fundamental compreender que o gosto pelo emprego não será algo fantasioso: você precisa colher, através de sua dedicação, os resultados. E o gosto surgirá pelas conquistas e aprendizados.
Porém, muita gente acha que o emprego ideal é aquele no qual você se dedica por determinado tempo, ou onde você estará sorrindo o tempo inteiro, ou até mesmo um lugar onde não há problemas. Doce ilusão!
O emprego ideal é aquele no qual o reconhecimento de seu esforço e resultados te estimula a continuar nele.

3) Os resultados acadêmicos e profissionais
É exatamente a parte do reconhecimento, uma consequência para você entender o que é o emprego ideal. Os resultados que você gera são sementes que você plantar para colher depois. Isso tanto em seu trabalho quanto em seu estudo.

4) A escolha
É aí que o bicho pega para muita gente. Como saber que fez a escolha certa? A certeza está em uma série de fatores que vão do aprendizado para a sua vida, para a sua área e para o seu futuro, como parte de sua evolução profissional; o tempo que você se dedica e os resultados que você colhe; o seu futuro naquele emprego ou na mesma área.
Todos itens que devem ser colocados constantemente em pensamentos sobre como planejar melhor o seu futuro e dar os próximos passos.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.